Have an account?

domingo, 18 de julho de 2010

Em Defesa da Poesia

Poetry Reading por Sheri

Este texto foi originalmente postado em meu blog Nascida em Versos; Portanto, a visão dos comentários e demais posicionamentos baseiam-se ao que havia alcançado no blog a época. Contudo, acredito que ainda seja muito válida a análise do texto. Grata Pela Atenção!


Há tempos estou com esta idéia circulando em minha mente; De colocar-me perante os pré-conceitos, as dúvidas, os “achismos” difundidos e proteger algo que julgo vital para os dias: A Poesia!

O problema remonta-se desde o período escolar. Uma época que deveria/deve formar nossa estrutura básica para futuros gostos. O hábito da leitura, pelo que me lembro, nunca foi tratado da forma mais correta: Tudo era imposto, analisado, obrigado. Claro que não se atrairia atenção de um bando de crianças e adolescentes.

Esta falta de didática acaba por criar uma rejeição ao universo literário, em especial a poesia. Rejeição esta incrustada em muitos ainda. Neste meu período no universo blogueiro, notei que alguns, quando se deparam com um poema, simplesmente não tentam ler – digo Ler num sentido maior do que o de simplesmente correr os olhos reconhecendo letras/fonemas/frases. Comentam algo tolo, apenas para comentar.

Sei também que isto não ocorre apenas com os blogs literatos, mas com os esportivos, os políticos, até com os de humor... Não estou aqui para reclamar com relação a isto, afinal ninguém é obrigado a gostar ou comentar. Quero mesmo é apresentar este gênero literário aos que não se arriscam a conhecê-lo.

Familiar o dito: “Se você afirma não gostar de ler, é porque nunca encontrou o livro certo.” De igual forma com a poesia. Esta história de que poemas são fantasiosos, só falam de amor, só agradam a mulheres, não influenciam em nada para a sociedade, etc.; É puro medo aliado a ignorância. E falo de ignorância não em sentido pejorativo, mas relacionado a falta de vontade de conhecer, procurando evitar esta operação:


Ignorância + Medo = Preconceito.


A poesia é muito mais do que palavras bonitas, é protesto (veja o Modernismo – O Cortejo), é criatividade (Num monumento à aspirina), é exploração da língua portuguesa (tão rica, tão negligenciada – Numa Manhã), é expressão (Escoiceados). Mas, principalmente, a poesia é real, é palpável, é vida, não fábula. Como negar o apelo a existência verdadeira que tem este deslindar de Carlos Nejar?


“Nossa sabedoria é a dos rios.
Não temos outra.
Persistir. Ir com os rios,
onda a onda.

Os peixes cruzarão nossos rostos vazios.
Intactos passaremos sob a correnteza
feita por nós e o nosso desespero.
Passaremos límpidos.

E nos moveremos,
rio dentro do rio,
corpo dentro do corpo,
como antigos veleiros.”.


Ainda quando laborava no Fórum, teve-se um curso financiado pelo Judiciário de SC, que visava o aprimoramento do escrever. Logo na primeira aula disse-se: “Quem sabe interpretar poesia, sabe escrever”. Como ignorar as variadas interpretações que nos são permitidas com a poesia? E a capacidade que temos em aprender com elas?

Os poemas estão espalhados por todas as partes; Nas músicas que perduram no tempo, na sabedoria popular, na própria Bíblia – ou o que você acha que são os Salmos? Portanto, não tema a poesia. Ela é muito mais do que aparenta. Procure conhecer alguns poetas e seus universos particulares. Esta jornada revelar-se-á encantadora – Permitindo que compartilhe do ponto de vista de outro, vendo e sentindo através das vivências deste estranho.

Quer algo mais fantástico?!


Karla Hack
Pseudo-escritora, quase poeta, apaixonada pelas letras

20 comentários:

Juu ♥ disse...

Olá, sou da comunidade "Blogspot" do Orkut e passei p/ comentar seu blog! Adorei sua paixão por poesias e já estou seguindo!

Vaunei Guimarães disse...

n tenho palavras para descrevr o que li....muito bom...gostei muito mesmo...continue assim...parabens

e obrigado por estar sempre me visitando

http://vauneiguimaraes.blogspot.com/

diario disse...

Poesias.. Sentir as emocoes nas palaavras...

Palavras com vida :)

www.diarioastral.com

Lucas disse...

Ótimo texto. Muito bom mesmo.

E só acrescentando: Infelizmente isso não ocorre somenta à poesia, mas sim, para todas as obras de inteligencia humana. De cada 100 crianças ou jovens, você encontra 1 que gosta de poesia, ou ciências, ou literatura em geral. Os demais dirão que gostam de jogos eletrônicos e futebol (nada contra estes, porém a diferença é enorme).

E infelizmente, isso se dá, pois nossa sociedade valoriza demais as coisas "simples" de nosso intelecto, e deixa de lado as riquezas da humanidade, para serem apreciadas pelos "cdfs".

garota-inesquecivel disse...

Poucas pessoas sabem valorizar
a palvra da poesia, não sou perita
no assunto mais gosto de ler sempre que
estou trsite não sei porquÊ mais me sinto bem
depois da leitura,,gostei do seu blog...
parabéns

Nath Ataíde disse...

Hoje é tão dificil alguem que goste de verdade de poesia,mas acho que talvez seja por falta de divulgação ou falta de interesse, idependente do motivo acho interesante você está divulgando o que a poesia nos traz parabéns ;*

Wander Shirukaya disse...

Não, caro Lucas. Isso se dá pela devastação cultural ocorrida desde o seculo passado. É ela q faz com q 65% dos nossos universitarios sejam semianalfabetos. Cada vez mais vemos pessoas q soh sabem ler paragrafos curtisdsimos, como o das PROPAGANDAS.
Como dizer q um desses está errado em deixar um "legal, show o texto" nos seus comentarios? Eles são vitimas. Cabe a quem consegue perceber estes problemas tentar mudar algo. Nao se pode esperar revolução de qm nao sabe o q é isso.
Por isso, valorize cada leitor verdadeiro q vc consegue, pois ele é capaz de propagar qualidade e salvar alguma ovelha no meio da blogosfera ou da rua de nossas proprias casas.
Qm ganha com essa alienação sao os politcos apenas, nao me refiro a Dilma ou Serra, mas ao geral, pois isso nao eh de hoje. Eh mais facil dominar alguem q nao tm inteligencia para perceber a dominaçao.
Q pena q isso soh tende a piorar.
:(

Rê Thuler disse...

Adorei o dito:Se você afirma não gostar de ler, é porque nunca encontrou o livro certo.”

É a verdade purissima. Com tantos blogs e comunidades facilitando o acesso a leitura, quem fica impassivel acaba perdendo uma experiência incrivel.

beijoo..

www.desassossegonabolsa.blogspot.com

Pedro Christo disse...

Eu entendo o seu lado, mas eu particularmente não sou fã de poesia, só quando se transformam em músicas, prefiro ler textos/livros com maior conteúdo político e crítico.

Pontes disse...

Tenho várias poesias escritas e acho um absurdo a falta de interesse pelo assunto pela maioria das pessoas.

Wander Shirukaya disse...

Pedro Christo, se vc acha q poesia nao tm conteudo politico e critico, eh pq vc nao leu poesia d verdade.

jaka disse...

concordei com tudo mencionado no texto, por outro lado culpar somente a escola seria injusto, os pais e avós tambem tem parcela de culpa. Gosto dos seus comentários em meus blogs, são sempre pertinentes e sem preconceito algum.

Rodrigo Ferreira disse...

Adoroo seu blog de poesias
principalmente aquele outro que vc tem
Sucesso para seu blog

Ja to seguindo seu blog
e adorando suas poesias


bjus

Brunosh disse...

E isso só tende a piorar. Ultimamente tenho cansado de ver jovens falando que "Ler é coisa de Nerd, prefiro fazer sexo". Você pode muito bem fazer as duas coisas. O problema é que o preconceito acerca da leitura só tem aumentado, e a coisa só tende a piorar...

gamer disse...

legal

http://brazilian-hacker.blogspot.com/

greg disse...

muito bom!!
é importante saber que ha pessoas que se importam assim com coisasclassicas como poesia. parabéns

http://naosentindo.blogspot.com/

Losterh disse...

Ah sim.

Eu sempre desgostei de poesia. E justamente pela forma que poesia era imposta: aquela bobagem de rimas, metrificação. Vim a gostar quando conheci Fernando Pessoa e Bukowski, isso depois de muito criticar. Mas acho que gostar de ler ou de poesia - ou de qualquer coisa que seja - não é necessário; cada um que encontre sua forma de expressão e interpretação.

Karla Hack disse...

Losterh

Obrigada pelo Comentário!

A minha intenção com este texto não é impor e nem afirmar que a Literatura e suas variações são obrigatórias a todos. Só acho que se deveria dar uma chance, uma oportunidade para estas formas de expressão antes de criticar e/ou simplesmente não ler... Afinal, é o trabalho de alguém ali.

E falo isto com relação a todas as artes e formas de expressão... Ou mesmo temas...
Como no caso de blogs específicos. Tudo que é criado merece ser avaliado e experimentado.

;D

Casa do Hippie disse...

Abraços do Hippie

Talles Azigon disse...

Olha minha grade amiga Karla Hack, poeta que não tem dim, ^^ os poetas nunca fidam-se ? ! tenho medo que a poesia um dia morra

Meu Deus, a culpa é dos nossos professores de português, é sim, lembro que nem um professor de português que eu tive teve a iniciativa de fazewr algo que despertasse o interesse da poesia nas vidas dos alunos

eu aprendo muito a cada dia e vejo como as pesssoas se encantam, quando leio um poema para elas, e penso, como ainda dizem que as pessoas não gosta, a questão seria não gostar, a questão é preguiça, é precisso fomentar a produção, vender livros a baixo preço, trabalhar com livros, fazer recitias, ter apoio de nossos professores

"Oh sub-alimentados do sonho, a poesia é para comer"(Natália Correia)

Postar um comentário

Leia, comente participe e não deixe de ser nosso asinante:
http://papeisonline.blogspot.com/p/assine.html